16
Oct

0

Como formalizar o trabalho Freelancer?

O trabalho informal é uma prática comum para muitos profissionais, principalmente para os que trabalham com serviços freelancer. O “freela” pode trazer muita facilidade, mas também pode causar alguns problemas se não for bem planejado. Por isso, a formalização é um caminho que pode trazer segurança para seus jobs e evitar algumas dores de cabeça.

 

Pode ser que você já tenha ouvido falar sobre o MEI, ou microempreendedor individual, que surgiu como uma alternativa prática de regularizar o seu negócio. Esta é uma opção que pode valer a pena por diversos motivos:

 

1) Você não precisa deixar o seu emprego com carteira assinada.

1

 

Muitos profissionais mantêm empregos em uma empresa e conciliam sua rotina com os jobs de freela. Para ser um MEI não é preciso deixar os vínculos empregatícios. É possível ter os seus projetos independentes e o seu emprego atual.

 

2) Você pode emitir notas fiscais através do seu CNPJ.

2

 

Emitir notas fiscais é uma forma de organizar suas finanças. Além disso, permite a prestação de serviços para instituições públicas e privadas, aumentando suas possibilidades de trabalho.

 

3) Você terá direito a benefícios da Previdência Social.

3

 

No MEI, você paga os impostos necessários para manter o seu registro como empresa. Por isso, tem direito a todos os benefícios trabalhistas, como auxílio doença, licença maternidade e aposentadoria por idade.

 

 

4) Os impostos são valores acessíveis.

    4 

Na cabeça de muitas pessoas, abrir e manter uma empresa parece ser algo caro. Quando é MEI, o empreendedor paga apenas o valor fixo mensal de R$ 40,40 (comércio ou indústria), R$ 44,40 (prestação de serviços) ou R$ 45,40 (comércio e serviços), que será destinado à Previdência Social e ao ICMS ou ao ISS. Essas quantias são atualizadas anualmente, de acordo com o salário mínimo.

 

5) É de graça!

5

 

Formalizar-se como um MEI é fácil, rápido e de graça. O primeiro passo é fazer o seu cadastro através do Portal do Empreendedor. Não precisa de contador e você pode tirar todas as suas dúvidas pela internet.

 

O MEI formaliza o seu trabalho e cria mais possibilidades. O que você está esperando para abrir a sua empresa?

Nenhum comentário